“O Som das Cores”, espetáculo de animação sobre as aventuras de uma menina em busca de seus olhos, terá audiodescrição na Caixa Cultural Recife.

DICA DE ACESSIBILIDADE| O SOM DAS CORES , espetáculo com audiodescrição  para todas as idades do grupo Catibrum Teatro de Bonecos (MG).

Cartaz colorido com ilustração de menina branca com cabelo liso e curto na altura do queixo. Ela usa óculos escuros e olha para frente. Ao fundo, profusão de filetes coloridos, entre eles, há um duende, uma baleia, um dragão, um cisne.

Cartaz colorido com ilustração de menina branca com cabelo liso e curto na altura do queixo. Ela usa óculos escuros e olha para frente. Ao fundo, profusão de filetes coloridos, entre eles, há um duende, uma baleia, um dragão, um cisne.

 A partir do poema “O Cego” do checo Rainer Maria Rilke e do livro “O Som das Cores” do taiwanês Jimmy Liao, além das influências de várias fantasias cinematográficas, o espetáculo “O Som das Cores” traz a história de Lúcia, uma adolescente que perde a visão aos 15 anos e pensando que seu cachorro havia fugido com seus olhos, sai em busca dele.

Nessa busca ela segue para o subterrâneo das estações do Metrô e fora delas enfrenta perigos, derrota inimigos, e a tentativa de recuperar sua visão se transforma na maior aventura de sua vida.Através de uma trama inspirada em filmes de aventura somada a uma trilha composta pela banda “Graveola e o Lixo Polifônico”, o espetáculo conta, de maneira fantasiosa, as aventuras e desventuras da personagem e sua busca por algo provavelmente impossível: recuperar sua visão.

Para a construção da dramaturgia e preparação dos atores manipuladores contamos com a inestimável ajuda de Flávio Oliveira, deficiente visual que, como a personagem da peça, perdeu a visão na adolescência.“O Som das Cores” confirma como a magia do Teatro de Animação pode ser transformada em uma trama envolvente. Um espetáculo para todas as idades.

O Som das Cores, desde sua estreia tem feito enorme sucesso  e  foi indicado a 6 categorias do Prêmio Copasa Sinparc, o maior do gênero das artes cênicas de Minas Gerais.

Já se apresentou em Belo Horizonte, Curitiba, Piracicaba, Juiz de Fora, Fortaleza e Florianópolis, São Paulo. Com audiodescrição o espetáculo foi apresentado em Curitiba, Belo Horizonte, Fortaleza e Florianópolis.

Em Recife, a audiodescrição será realizada por um profissional do próprio espetáculo mineiro e contará com os equipamentos da VouVer Acessibilidade.

ESPETÁCULO COM AUDIODESCRIÇÃO NOS DIAS:

Data: 10 e 11 de outubro de  2014

Horário: 10 de outubro(sexta-feira): 17h e 11 de outubro (sábado): 16h e 19h

Local: Teatro Caixa Cultural Recife

Endereço: Av. Alfredo Lisboa, 505 – Recife, PE (Em frente ao Marco Zero)

Classificação indicativa: Livre
Duração: 50 minutos
Valor do ingresso: R$ 10,00 inteira e R$ 5,00 a meia entrada.*

* Para as  pessoas com deficiência visual, a peça é GRATUITA!!! Os interessados em assistir, encaminhar um e-mail para fabiatarraf@hotmail.com, informando o nome completo com data e horário da sessão escolhida.

Serão disponibilizados 30 equipamentos de audiodescrição por sessão.